Manutenção de Computadores – Uma Oportunidade

Hoje, há uma grande necessidade de técnicos bem qualificados na área de manutenção de computadores . Por isso mesmo, é muito importante entender que essa é a hora de agarrarem-se as oportunidades que aparecerem e continuarão aparecendo ainda por muito tempo. Os cursos são oferecidos em quase todas as cidades e, nas maiores, chegam a se acotovelarem num mesmo bairro quase uns sobre os outros.
No entanto, essa fartura de ofertas de cursos pode não significar um alto nível de ofertas de qualidade educacional. E, ser formado num desses cursos pode significar apenas perda de tempo e de dinheiro. O ideal é buscar instituições de ensino de renome e cursos registrados no ministério da educação. Só assim o seu diploma terá valor legalmente e você estará apto a participar de recrutamentos para trabalhar no mercado formal como técnico de manutenção de computadores. Um bom curso técnico abrirá as portas das melhores empresas que estão sempre em busca de gente qualificada e muito bem formada. Um curso sem qualificação ou de má reputação no mercado, sepultará qualquer chance que você pudesse ter muito antes dela sequer se apresentar a você como uma possibilidade.
Por mais incrível que possa parecer, no Brasil, ainda parece não haver o entendimento de que o técnico é muito mais necessário para o momento que o país vive do que o formando universitário. Por isso mesmo, as vagas para bons cursos técnicos de montagem e manutenção de computadores são insuficientes para suprir toda a demanda que existe atualmente. Daí o surgimento e a proliferação de cursos oportunistas que simplesmente não se preocupam com a qualidade do ensino e a adequada formação de seus alunos. O que fatalmente, contribui para denegrir uma classe profissional inteira. Uma vez que um mal profissional que atue desastrosamente, causa muito mais prejuízos do que um profissional competente causa benefícios para a reputação da classe.
Um bom curso técnico de manutenção de computadores será a porta de entrada para um jovem formando no mercado de trabalho. Uma vez conquistada a vaga, bastará que ele se dedique, se desenvolva profissionalmente e, já sendo bem remunerado, aí sim busque a universidade para aprimorar os seus conhecimentos e desenvolver novas habilidades. E essa deveria ser a ordem natural das coisas. Mas ainda falta-nos esse entendimento. E com isso, muitos dos que cursam universidades caríssimas, acabam amargando o desemprego ou aceitando trabalhar numa área fora da que escolheram.
Um outro detalhe importante, é que o curso técnico é voltado para a prática propriamente dita do trabalho de manutenção de computadores. Logo, você pode perguntar a um estudante universitário que tenha feito um curso técnico anteriormente e ele lhe responderá claramente que aprendeu coisas totalmente diferentes no curso técnico; que não lhe foram ensinadas na universidade. E isso é muito simples de justificar. As aptidões e os objetivos que se querem atingir com ambos os cursos são diferentes.

Assim, ao escolher como vai encarar a dura luta por um emprego num mercado de trabalho voraz e sempre faminto por qualificações; pense num curso técnico em manutenção de computadores e abra para você mesmo um grande leque de oportunidades promissoras.

Deixe um comentário

11 comentários

  1. É uma oportunidade a explorar. Tem muita gente boa no mercado que é prejudicada por meia-dúzia que gosta de tapear os outros, mas acredito que tem espaço pra novos e competentes técnicos. Boa dica.
    Abraços

  2. eu sou o melhor tecnico de sao luis do ma e trabalho na microlins,e procuro sempre me atualizar, todos os tecnicos tem que fazer isso em 6 e 6 meses
    falow.

  3. Jamil Georges Saloum

    Eu etnho um pequeno escritorio de prestação de serviços como: XEROX, RECARGA DE CARTUCHOS, DIGITAÇÃO, COPIAS DE CD E DVD ENTRE MUITOS OUTROS SERVIÇOS QUE PODEM SER EXTRAIDOS DA INTERNET E COM MAQUINAS COMO SCANNER ENFIM…. Vejo que o mercado chora precisando de tecnicos bem treinados e com um minimo de etica…Galera vou entrar no mercado. obrigado pelo artigo foi 10.

  4. quau a idade para fazer eses cursos

  5. Olá, tomei a liberdade e utilizar sua postagem, para explanar minha idéia sobre o tema.

    Achei muito interessante, e apesar de algumas edições, utilize-ia no meu blog para melhor explanar minha opinião.

    Parabéns pela postagem.

  6. Luciano - Jonville SC

    Lamento que este texto tenha vindo de uma pessoa aparentemente culta.
    Pos existem escolas de informática que proporcionam um ensino muito eficaz na área de informática. Acho que se apegar em MEC e outras instituições do gaverno não aprovam a qualidade de ensino
    No entanto concordo que deve sim ser feita uma boam pesquisa de mercado para ver a realidade desses cursos. Sua critica deve ser cumulativa, ou seja, acho que vc tem um empresa de informatica credenciada pelo MEC e está querendo ganhar mercado. Ou Copiou e colou este texto da internet. Não pode ser uma realidade !!!

  7. Sou servidor público e usuário de computadores a mais de 20 anos. Tenho alguma noção de manutenção autodidata, mas gostaria de me especializar pois seria uma ótima opção de renda extra e uma apção a aposentadoria no futuro.

    Acontece que os bons cursos são caros e extremanete longos o que acaba desanimando.

    Solicito sugestão de algum curso no Rio de Janeiro que tenha uma boa qualidade e preço razoável.

    Desde já agradeço.

    Jorge Ramos

  8. Eu vou começar a fazer MONTAGEM e MANUTENÇÃO de MICRO, NOTBOOK e REDES AVANÇADA…!!

    Muito massa

  9. Gostei muito sobre o artigo é bem isso mesmo que ocorre uns pagam plos outros,hoje faço um curso técnico numa instituição muito boa e tenho amigos em faculdade de informatica,que bom não entendem ou nem imagiman o que vão fazer.Otimo mesmo 0 texto.